Você é patriota?

Eu sei que já é tarde, mas ainda dá tempo! Eu sempre troco o dia pela noite e só agora consegui escrever alguma coisa para publicar aqui. Ufa! Passei praticamente o dia todo agradecendo a participação dos meus queridos leitores sobre o post “Depoimento de um abduzido”. Valeu mesmo galera! Gostei da participação e empenho de todos em defender suas raízes!

Falando nisso, hoje é um dia importante para quem é verdadeiramente patriota. E falo aqui do patriotismo que está além do orgulho de sermos brasileiros apenas quando o Brasil é campeão em alguma competição mundial, principalmente no futebol. Por isso pergunto a você, caro(a) leitor(a): Você é patriota? Você sabe que dia é hoje? Para quem respondeu sim, uma salva de palmas! Para quem ficou na dúvida, ou respondeu não a uma das perguntas anteriores eu explico: Hoje é o dia do Hino Nacional Brasileiro!

Antes que alguém pare a leitura por aqui – por talvez considerar um tema chato, que ficou esquecido lá atrás nos bancos da escola primária – gostaria de advertir que um povo sem memória é um povo fraco. Um povo que não ama o lugar onde nasceu é um povo que se torna alienado e acomodado, abrindo brecha para que gente de fora venha e roube tudo de importante que se tem…

Vamos, vale a pena continuar lendo mais um pouquinho… Vamos aproveitar esse momento para refletirmos um pouco sobre nossa própria identidade! Ontem mesmo tivemos um triste exemplo de ignorância com aquele artigo publicado em um tal jornal por um tal jornalista (ou seja lá o que ele for…). Quem acompanha o blog sabe do que estou falando.

Pois bem. Penso que datas como essa servem não só pra marcar um dia na História, mas pra reforçar os laços de irmandade pátria que devem existir em um povo. Isso nos torna fortes!

O Hino Nacional Brasileiro foi executado pela primeira vez oficialmente no dia 13 de abril de 1931, mas só foi oficializado pela lei nº 5.700, em 1 de setembro de 1971, sendo esta oficialização publicada no Diário Oficial (suplemento) de 2 de setembro de 1971.

Pois é, isso é bem recente. O nosso Hino é apenas um simpático senhor de 79 anos de idade! Talvez por isso mesmo ainda não tenha sido de todo absorvido pelo inconsciente coletivo do povo brasileiro que, em sua maioria, ainda balbucia timidamente algumas partes de sua letra em alguns eventos cívicos e esportivos…

Algumas coisas interessantes e curiosas sobre nosso Hino:

1- A música foi composta em 1822, por Francisco Manuel da Silva, chamada inicialmente de “Marcha Triunfal” para comemorar a Independência do país.

2- Essa primeira versão tornou-se bastante popular e recebeu duas letras. A primeira, quando Dom Pedro I abdicou do trono, sendo executada no cais do Largo do Paço (atual Praça 15 de Novembro, no Rio de Janeiro), no dia 13 de abril de 1831, em desacato ao ex-imperador que embarcava para Portugal.

3- A letra provocativa dizia: “Os bronzes da tirania /Já no Brasil não rouquejam; /Os monstros que o escravizavam /Já entre nós não vicejam. (estribilho) Da Pátria o grito /Eis que se desata /Desde o Amazonas /Até o Prata…”

Obs.: Aqui cabe uma observação inevitável, em virtude de certos comentários infelizes recentes sobre a existência do estado do Amapá: Nessa época os autores do Hino já falavam sobre o Amazonas, numa clara alusão de que toda a região norte já existia!!! (rsrsrs)

Bem, é isso meus queridos. Por hoje basta de aula de “Educação Moral e Cívica” (kkkkk)! Um abraço a todos irmãos dessa grande mãe gentil que é a nossa pátria brasileira!

Pátria que pariu!!!

Anúncios

2 comentários sobre “Você é patriota?

  1. Hahahahaha, dificilmente começo um comentário com risos, mas esse vale, tá!
    Concordo com tudo, muita dessa informação eu desconhecia, como, por exemplo, os trechos extraídos:

    “Os bronzes da tirania /Já no Brasil não rouquejam; /Os monstros que o escravizavam /Já entre nós não vicejam. (estribilho) Da Pátria o grito /Eis que se desata /Desde o Amazonas /Até o Prata…”

    Essa parte é muito bonita, me lembrou o “hino na minha terra”…”sirvam nossas façanhas de modelo a toda terra”…

    Voltando ao trecho que eu desconhecia, muito melhor do que “mãe gentil”, acho que é por isso que tem gente que acha que é a casa da sogra…
    Se tivesse continuado com o trecho, daria ares de que estaríamos sempre prontos para a guerra.
    É claro que isso é só a minha opinião, de quem está sempre armada, hihihi!
    Bjs adorei!

    • É verdade, minha poetinha, o hino de um país mostra muito de sua personalidade em termos gerais. Talvez fosse melhor mesmo termos mantido um tom mais belicoso. Afinal, é sempre bom lembrar que há uma grande diferença entre GENTILEZA e GENTE LESA!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s